Entrevista: Cheesecake Xck

Quando conheci um poquinho do trabalho dessa moça fiquei pasma com tanta elegância. Na verdade foi ela quem me achou primeiro quando tive a honra de receber dela uma crítica sobre uma matéria que fiz sobre o tema burlesco / cheesecake. Fiquei curiosa, fui logo tratar de saber quem era aquela moça simpática e logo descobri que o seu trabalho é ótimo porque é feito com seriedade, paixão e nem sequer um pouco de modismo. Sempre quis ouvir de uma pessoa que vive essa arte alguns dos seus pontos de vista e como tive essa oportunidade ela gentilmente aceitou responder às minhas perguntas que acredito serem as de muitas pessoas que como eu amam e respeitam essa arte. Ano passado já havia entrevistado a doce e apimentada Paola Pepper e agora é a vez da linda Cheesecake Xck, a Dita Von Teese de São Paulo. Apreciem:
***
@vintagepri: Quem apresentou a você o mundo do espetáculo burlesco?

Cheesecake Xck: O cinema, sem dúvida! Os filmes em PB que eu assistia todos os dias, mil vezes.

@vintagepri: Você se considera mais uma "Show Girl" do que da fato artista burlesca... Acha que as pessoas confundem essas 2 vertentes por quê?

Cheesecake Xck: Me considero uma Showgirl, por que antes da paixão pelo burlesco, vem a paixão pelo entretenimento. Tenho problemas com rótulos, eles limitam, não quero que o burlesco se torne mais um rótulo na minha carreira. Como showgirl, posso subir ao palco e dançar samba se me der na telha.


@vintagepri: Mesmo a cultura neo burlesca sendo um ainda um pouco tímida e mais limitada aos bares e teatros paulistanos, acha que pelo tema "retrô" estar na moda as pessoas passem a valorizar e buscar mais esse tipo de entretenimento?

Cheesecake Xck: Com certeza, no último ano, a busca por esse tipo de atração aumentou muito. Mas como tudo é uma onda, acho que tem data pra diminuir essa febre.
@vintagepri: Quais são suas maiores inspirações?
Cheesecake Xck: Dita Von Teese é uma referência pra qualquer showgirl no mundo, por motivos óbvios, mas a dançarina que mais me motivou, desde criança, foi Cyd Charisse, naquela cena imortal de Singin’ in the rain. Meu maior desejo é conseguir causar no meu público a mesma emoção que aquela cena me causou na primeira vez que assisti ao filme. Eu tinha sete anos.

@vintagepri:Você consegue recriar o clima e usar os estilos cheesecake e burlesco com muita propriedade,onde busca referências?
Cheesecake Xck: Nas vedetes, coristas, starlets e garotas do coro de todos os tempos, famosas ou não. Adoro todas as mulheres que dão glamur aos palcos e telas.

@vintagepri: O que você acha desta moda em torno do tema pin-up?
Cheesecake Xck: Uma fase, como qualquer outra, não tenho idéia do quanto ela vai durar no Brasil. Mas na Europa é um movimento já estabelecido, que existe há décadas. Se é que algum dia deixou de existir.


@vintagepri: verdadeiros espetáculos sobre o tema eram recheados de sátiras, paródias musicais e poéticas, acha que por não se tratar apenas apenas e unicamente de strippers essa arte desperta ainda mais a atenção de mulheres?

Cheesecake Xck: Acho que as mulheres se fascinam pela elegância. O burlesco entre outras coisas representa o orgulho em ser mulher, mostra o poder do feminino, sem caretice, sem vulgaridade e sem ‘descer do salto’. Toda mulher admira isso.

@vintagepri:Qual seu estilista favorito?

Cheesecake Xck: Lino Villaventura e óbviamente, a eterna Coco Chanel.


@vintagepri: Quem são os artistas atuais que mais contribuem com essa arte e estilo de vida nos dias de hoje?

Cheesecake Xck: Citar apenas alguns nomes seria injustiça, hoje existe no mundo todo muitos profissionais competentes envolvidos com o estilo.


@vintagepri: O que uma garota ou mulher de qualquer idade que está conhecendo o estilo pin-up precisa saber?

Cheesecake Xck: Que ser feminina e sexy não tem nada a ver com o comprimento da sua saia nem com o tamanho dos seus seios. O que interessa é segurança e atitude.


@vintagepri: Nos indique um filme, livro ou documentário para pessoas que buscam informações sobre a cultura burlesca.
Cheesecake Xck: The Notorious Bettie Page, 2005. Filme de Mary Harron, sobre o mito Bettie Page. A história é extremamente interessante.

Gypsy, 1962 - Do diretor Mervyn Leroy, sobre a história de Gypsy Rose Lee, a principal artista burlesca da história e uma das minhas maiores inspirações.


Burlesque and the art of the Teese, Dita Von Teese - Um livro rico de informações sobre o burlesco e as showgirls européias e americanas, além de ser uma autobiografia de Dita.


@vintagepri: O blog "Nos Tempos da Minha Avó" te considera a Dita Von Teese de são paulo,o que têm a dizer sobre isso?

Cheesecake Xck: Um elogio, por ela ser uma grande referência de qualidade e exigência cênica. Sou extremamente crítica comigo mesma e com meu show.. Luto para evoluir um pouco todos os dias.

Devo dizer que fiquei intimidada pois tentei fazer perguntas do nível da nossa Xck ,porém me senti bem com a nossa pin-up amiga acessem seu facebook. Quero agradecer a ela por ter me dado essa abertura no blog tanto para mim quanto para meus leitores.

Se gostou dessa matéria e quiser dar dicas ao blog a respeito de outras vou adorar receber um email seu. Então venha tomar um chá comigo chéri!

Bjs!

Comente com o Facebook:

4 comentários

  1. Mas essa Cheesecake Xck é mesmo muito chique né! Que mulher espetacular e linda.

    Ameeei o post Pri

    Parabens

    --

    Ramona Tequila
    http://mundoramona.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. A entrevista ficou perfeita, magnifica, precisamos de mais mulheres assim como a Cheesecake Xck que não são sexy apelando para vulgaridade e sim pela sua elegancia, segurança, e talento, amei esse post faz mais como esse linda.
    PS: Só quero deixa um recadinho para esse anonimo ai de cima
    Olha aqui meu amor, se ela se insipira ou não voce nao tem nada a ver com isso, ela nao copia e cola, apenas se inspira e tema pin up gordinhas esta muito comentado ultimamente todo mundo pode fazer, e antes de criticar se revele meu amor, ou tem medo que te responda a altura COVARDE
    http://biahyde.blogspot.com/
    http://venenodegrife.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  3. É impressionante que a mesma essência existe em todas as personas que conheci da Xck. Extremamente disciplinada, séria e simpática, despreocupada com críticas aleatórias.
    Parabéns, a entrevista foi enxuta e recheada ao mesmo tempo!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita! Deixe sua opinião, dúvidas e sugestões nos comentários. Não esqueça do seu link, responderei todos assim que for possível ♥ XOXO