Simplesmente Amy!





Amy Winehouse me surpreendeu desde a primeira vez em que a vi e ouvi.  Foi um choque magnífico ouvir uma voz tão potente vindo de uma pequena  menina de origem judia que cantava soul e jazz dos anos 60. Lembremos de  Amy não pelos seus problemas pessoais, mais sim por seu legado na  música e na moda. Pelas portas que ela abriu a muitos. Uma das  características mais marcantes em Amy  (além da voz claro) todos sabem  muito bem era o seu visual, seja retro tóxico ou não, ela revolucionou o  mundo da moda. A Amy da fase “Frank” era muito mais simples sim, mas  naquela época desfilava com lindos vestidos justos florais e seus  maravilhosos “pumps”.

Frank: Amy da fase Frank em 2003. Sorriso no rosto


Amy no Ensaio da Harper's Bazaar
O vestido xadrês que eu sempre quis ter.

A música de Amy era verdadeira, era auto biográfica e linda. Nenhuma outra artista em minha opinião conseguiria cantar uma música como “Me & Mr. Jones” com toda aquela levada sessentista e logo de cara soltar um “What kind of fuckery is this?” com tanta graça. De todas as faixas do Álbum “Back To Black” a única que não me agrada é “Addicted”, já as do álbum “Frank” todas me agradam, uma das minhas favoritas é a “You Sent Me Flying”. Foi por pouco tempo, mas foi bárbaro rever e ouvir através de uma artista tão brilhante que o Soul ainda existe.

Um de meus modelos favoritos, Britt Awards 2007

Em 2007 Amy desfiou com modelos impecáveis

Quando Amy se tornou uma promessa musical em 2006 seu então visual “cleam” da era frank ficou para trás. Amy era uma cantora de Soul, mas sua atitude era 100% rock’n’roll. Em seus braços ela carregava diversas imagens de pin-ups e frases. Em um lugar de uma simples pintinha ela inovou colocando um piercing, mas tarde copiada por garotas no mundo inteiro. Os cabelos tiveram inspiração das grandes estrelas do Soul e blues dos anos sessenta como Etta James, devidamente armado e desfiado com lenços e flores. O exagerado delineador nos olhos claro! Amy revolucionou o uso do delineador que também virou referencia e mania de mulheres de todas as idades. Todas as celebridades amaram o estilo “Amy” de se vestir, ela então incorporou um novo estilo de pin-up modificada cheia de tatuagens. Desfilava lindos modelitos de diversos estilistas que também enlouqueceram com a intérprete de Rehab. Diversas coleções inclusive alguns editorias de revistas famosas como a Vogue mostraram peças e ensaios totalmente inspirados na garota.
Inspirações: Mulheres na década de 60 e divas do Soul

Raquel welch: Assim como muitas outras divas com o penteado que inspirou Amy
A make up dos anos 60 pedia tons rosas e olhos bem contornados
Amy posado para sua coleção de roupas, pin-up Style!



Em 2010 apesar de todos os seus problemas pessoais e profissionais, Amy nos prestigiou com sua coleção de roupas assinada em parceria com a grife Fred Perry. Amy posou para sua grife feita para mulheres que amam o estilo retro ainda a preços acessíveis. A própria em uma entrevista disse não gostar de bancar a modelo", mas as peças ficaram lindas e ninguém melhor do que ela para posar com suas criações. A verdade é que famosas ou anônimas seja quem for sempre gostaram muito do seu estilo que por diversas vezes chocou em todos os sentidos.

Todo mundo quer ser Amy: Até mesmo a Top Brasileira Adriana Lima



You Sent Me  Flying - Minha faixa favorita do cd Frank



Me & Mr. Jones: Faixa que foi tema do meu blog em 2009, amo!

Essa postagem não é moralista nem de auto promoção, é de uma fã que sempre torceu para que sua artista desse a volta por cima.  Esse post não é uma lembrança de seus momentos ruis clicados pela imprensa, é o lado lindo de Amy, que ela tinha e sua influencia na moda. Aqui eu fico com boas lembranças de seu legado e espero que todos os fãs verdadeiros também tenham o mesmo sentimento acima de qualquer coisa, independente de suas escolhas ela foi e será simplesmente uma DIVA.

BISOUS!

Comente com o Facebook:

3 comentários

  1. Olá, Priscilla!
    Tudo bem?

    Vi o seu blog lá no "Estilo Retrô Rock" e decidi vir visitar. Já me apaixonei pelo post sobre a Amy e também por você ter esse seguimento retrô!

    Ainda estou sentindo muito essa perda musical, até porque Amy é e sempre será minha DIVA!

    Passa lá pelo meu blog quando tiver um tempinho! Vou adorar a visitinha!

    Beijos, Line.
    http://naomepoupee.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Também só prefiro lembrar das coisas boas

    Beijos amore

    http://soumagarota23.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Otimo Post! parabens! Realmente, a Amy tem que ser lembrada pelo talento e pela boa musica que ela nos trouxe no meio de tanto lixo musical.

    Adorei o post!

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela sua visita, ela é muito importante! Comente e deixe seu link. Responderei assim que for possível ♥