#Resenha: Nove regras a ignorar antes de se apaixonar (Sarah Maclean - Editora Arqueiro)



A sonhadora Calpúrnia Hartwell sempre fez tudo exatamente como se espera de uma dama. Ainda assim, dez anos depois de ser apresentada à sociedade, ela continua solteira e assistindo sentada enquanto as jovens se divertem nos bailes. Callie trocaria qualquer coisa por uma vida de prazeres.
E por que não se arriscar se, aos 28 anos, ela já passou da idade de procurar o príncipe encantado, nunca foi uma beldade e sua reputação já não lhe fará a menor diferença? Sem nada a perder, a moça resolve listar as nove regras sociais que mais deseja quebrar, como beijar alguém apaixonadamente, fumar charuto, beber uísque, jogar em um clube para cavalheiros e dançar todas as músicas de um baile. E depois começa a quebrá-las de fato.
Mas desafiar as convenções pode ser muito mais interessante em boa companhia, principalmente se for uma que saiba tudo sobre quebrar regras. E quem melhor que Gabriel St. John, o marquês de Ralston, para acompanhá-la? Afinal, além de charmoso e devastadoramente lindo, ele é um dos mais notórios libertinos de Londres.
Contudo, passar tanto tempo na companhia dele pode ser perigoso. Há anos Callie sonha com Gabriel e, se não tiver cuidado, pode acabar quebrando a regra mais importante de todas – a que diz que aqueles que buscam o prazer não devem se apaixonar perdidamente.

Título: Nove Regras a Ignorar Antes de Se Apaixonar ( 9 Rules To Break When Romancin a Rake - Série Os Números do Amor #1)
Autor: Sarah Maclean
Ano de Lançamento2016
Número de Páginas: 384
Acabamento: Brochura
Gênero: Romance / Romance de Época
Editora: Arqueiro
Adicionar no Skoob
Classificação:

Nove regras a ignorar antes de se apaixonar

1.       Beijar alguém... Apaixonadamente
2.       Fumar charuto e beber uísque
3.       Montar com as pernas abertas
4.       Esgrimir
5.       Assistir a um duelo
6.       Disparar uma pistola
7.       Jogar (em um clube para cavalheiros)
8.       Dançar todas as danças de um baile
9.       Ser considerada linda. Pelo menos uma vez.

O primeiro livro da série “Os números do amor” traz Lady Calpúrnia Hartwell ou Callie, que além de carregar o fardo de ter um nome tão shakespeariano (pra não dizer extravagante), também é uma mulher solteira de 28 anos. Callie é tudo o que se deve esperar de uma jovem decente de boa família: é educada, tem um comportamento exemplar e uma boa reputação. Além dessas qualidades, ela também é irmã de Benedick Hartwell, conde de Allendale.

Diante de tantos pontos positivos, era de se esperar que uma moça como Callie, em pleno auge da temporada, fosse ser o centro das atenções, rodeada por pretendentes. Mas não foi o que aconteceu. Os anos se passaram e Callie foi ficando cada vez mais invisível perante todos. Não despertava o interesse de ninguém, era considerada sem graça e logo foi se conformando com sua condição de solteirona. Pra variar, ela cresceu com inúmeros complexos: tem baixa estatura, o rosto muito redondo, olhos e cabelos comuns demais e um pequeno excesso de peso e curvas, segundo os padrões da época.

Beijos não devem deixá-la satisfeita. Eles devem deixá-la querendo mais.
Já Mariana, a irmã mais nova de Callie, é a personificação da beleza e graça. Sua estreia na sociedade foi um sucesso, e de cara conseguiu conquistar um duque. Embora um tanto pragmática, como ela mesma se define, em seus momentos de solidão, Callie busca consolo lendo romances. É o único momento do qual se permite sonhar como uma vida diferente; sonhar com um certo marquês que ela conheceu quando tinha 18 anos, e por quem é completamente apaixonada.

Diante do noivado da irmã caçula, Callie decide mudar: ela quer viver intensamente, deixar de ser uma pessoa tão sem graça e se aventurar na vida. Uma vez que não está mais na idade de se casar (pois não há mais oportunidades), ela não tem mais do que se preocupar em relação à sua reputação. Então tem a divertida ideia de listar todas as coisas que adoraria fazer – e que são consideradas proibidas ou no mínimo escandalosas – e o melhor de tudo é que ela começa de fato a quebrar todas essas regras. E quando ela parte para essa aventura, acaba se reencontrando com o tão sonhado marques de Ralston.


Esticando a mão para pegar a lista, examinou-a, uma sombra de sorriso brincando em seus lábios, enquanto revisava as palavras rabiscadas. Tomando os acontecimentos da noite anterior como base, poderia presumir que iria desfrutar cada minuto completando os demais itens. Aqueles nove desafios eram tudo o que se punha entre Callie e a vida. Só o que tinha que fazer era assumir o risco.
Já o tal marques é Gabriel St. John, também conhecido como um dos maiores notórios libertinos de Londres: Lindo, poderoso, devasso e inalcançável. A vida de Gabriel e de seu irmão gêmeo Nick muda completamente quando eles descobrem que tem uma irmã por parte de mãe. Os irmãos Ralston decidem assumir a irmã e apresenta-la à sociedade, mas para isso é necessário que alguém ensine a ela como se portar e facilite sua aceitação no círculo social. Para ele é está muito claro que a única pessoa capaz de ajuda-lo com essa questão é Lady Calpúrnia.

Começa então uma relação bastante perigosa entre eles. Sem querer, Callie acaba encontrando um cúmplice perfeito para suas aventuras, e Gabriel é tão perfeitamente incorreto que mergulha de cabeça em todas as ideias malucas de Callie. O que era para ser algo simples, acaba se transformando em um jogo sensual capaz de mudar para sempre a vida de ambos.

Minha opinião sobre o livro: Diferente de muitas heroínas de romances, Callie não é uma mocinha à frente de seu tempo. Mas ela está tentando ser. Isso começou desde o momento em que decidiu deixar de ser tão submissa, passiva e certinha. É muito divertido acompanhar Callie em suas aventuras e atividades tipicamente masculinas, e a forma como ela faz as coisas também é engraçada. Não temos uma mocinha linda e cheia de graça, mas alguém comum que sofre com as pressões sociais e resolve boicotar o sistema de um jeitinho bem criativo – mesmo que seja em segredo.





À medida que ela começa a “viver”, ela resolve agarrar toda e qualquer oportunidade de aprendizado. Passa de forma divertida uma mensagem para todas as mulheres que, assim como Callie, se acham feias ou desinteressantes. Mas quando decide quebrar essas correntes, se transformam completamente.  Callie é uma flor desabrochando para a vida e todas as suas possibilidades – incluindo deixar um homem, até então inatingível, completamente a seus pés. Tenho que dizer que meu personagem favorito, além de Callie, é Nick St. John.

Esse é um romance erótico, com pitadas de humor e inocência que se transforma, cresce e cativa. Uma leitura leve que se desenvolve facilmente, do tipo que proporciona risadinhas e suspiros. É o primeiro livro que leio da escritora Sara MacLean, e com toda certeza não será o último.

A edição da Editora Arqueiro está impecável. A capa é belíssima. Ao final de cada livro, sempre somos presenteados com o primeiro capítulo do próximo volume da série, o que nos deixa ainda mais ansiosos. Eu não vejo a hora de ler o próximo volume! Espero que tenham gostado da resenha. Se alguém também leu o livro, manifeste sua opinião. Me diz: quais são as regras que você quer quebrar? :)

Classificação:


NotaEsse livro foi gentilmente enviado pela Editora Arqueiro

Onde Comprar?

Siga também no: Facebook  | Bloglovin  | Skoob Tumblr  | Pinterest

Comente com o Facebook:

32 comentários

  1. ''Continua solteira e assistindo sentando enquanto as jovens se divertem nos bailes''.Minha vida numa frase, preciso ler este livro! HAHAHAH, rolou uma identificação, sabe?

    Beijão e excelente semana ^^

    Poesia em Transe

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também me identifiquei muito com ela! kkkkkkk Beijos!

      Excluir
  2. Eiiita era de ouro! Eu totalmente seria como ela, fugindo das regras impostas pela sociedade HAHAHAH Aliás, cai até bem o nome do livro para esse meu momento... hihihi Enquanto todo mundo acha que existe um tempo exato para se apaixonar.
    Será que eu acho esse pra baixar, Pri?
    Beijos <3
    | A Bela, não a Fera| | Compro e Vendo em Bazar de Roupas online|| FB Page A Bela, não a Fera|

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também seria como ela, Bela. Uma solteirona querendo ter uma vida mais emocionante e correndo atrás disso! kkkk é uma ótima leitura, viu. Esporo que você consiga ler! ^^ Beijos :*

      Excluir
  3. Muito obrigado querida :D

    Nossa, fiquei com vontade de ler. Parece ser fabuloso!

    NEW GET THE LOOK POST | Casual Sporty Look.
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É mesmo uma leitura maravilhosa ^^ Beijos!

      Excluir
  4. hmmm adorei esse romance historico, fiquei mt curiosa pra ler e conhecer mais!

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou Lívia. Obrigada ^^ Beijos!

      Excluir
  5. Que nome grande :O hahahaha Achei bem levinho e divertido, fiquei curiosa ^^
    boa semana :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
  6. Eu adorei a personalidade da Callie. Acho que em certo ponto eu me identifico bastante já que sempre impus muitas regras a mim mesma e com o passar do tempo consegui ir quebrando essas barreiras que me impedia de fazer muitas coisas. Acho que no livro, as regras da sociedade da época tem uma importância bem grande, né? Gostei da postura da protagonista que decide ir contra tudo isso pra ser feliz :) Adorei a resenha! Beijos!
    Colorindo Nuvens

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu fiz exatamente essa mesma reflexão depois de ler o livro. Tem muitas regras que nós mesmos impomos, e somos geralmente cheias de complexo, assim como Callie. Por isso me identifiquei muito com ela também. Fico feliz que tenha gostado da resenha Dai =) Beijos! :*

      Excluir
  7. Não conhecia o livro.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  8. Oiii
    Li este livro recentemente e assim como você, também achei a mocinha bem típica para sua época porém, tentando parecer a frente de seu tempo, foi um diferencial que me agradou bastante. Eu adorei a leitura.

    Beijo, Van - Retrô Books
    http://balaiodelivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gostei muito desse detalhe Van, foi algo totalmente inesperado, se comparado com outros romances desse gênero =) Beijos!

      Excluir
  9. Não conhecíamos o livro, mas achamos o enredo bem interessante e divertido, ficamos com vontade de ler!! Gostamos da resenha!!

    beijos

    http://onlyinspirations.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Não conhecia esse livro e me encantei pela capa, que lindaaaaa!
    E gosteii muito da sinopse, parece ser bem instigante. Vou procurar saber mais no skoob.

    www.vodkaescarpin.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ah sim! Dê uma olhadinha no skoob, o links está na resenha =) Espero que goste!! Beijos :*

      Excluir
  11. Fiquei louca pra ler o livro pelas citações.
    Cara... *-* Nunca mais tinha me interessado tanto por um romance.

    Chiquereza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Nah *----* fico feliz que tenha gostado da resenha. Espero que leia, e depois me conta o que achou ;) Beijos!

      Excluir
  12. Amei a resenha, quero muito ler *.* adorei e me vi um pouco na personagem *.* beijos
    http://www.charme-se.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Callie é uma personagem cativante ^^... obrigada pela visita. Beijos!

      Excluir
  13. Realmente! A Nivea não decepciona, né?!

    Gostei do livro! É legal a ideia de ter uma mulher deixando de seguir as "regras" da sociedade.

    Ótima quarta!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
  14. Parece ser muito bom esse livro, fiquei muito curiosa pra ler!

    Blog Amora Rosa

    ResponderExcluir
  15. Que capa linda, que fotos lindas e que resenha perfeita! Com certeza preciso ler esse livro :)
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muuuito obrigada Carol. Fico feliz que tenha gostado da resenha. Espero que leia e depois me conte o que achou ^^ Beijos!

      Excluir
  16. Quero muito muito muito ler esse livro, mas ainda não tenho ele aqui....adoro romance de época...essas séries me matam kkkkkk, quero tudo!
    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amei esse livro Renata. Ansiosa pra ler a série completa ^^ Beijos!

      Excluir

Blog sobre moda, beleza, livros, artwork, universo vintage/retrô e inspirações diversas de uma eterna nostálgica.

Obrigada pela visita! Deixe sua opinião, dúvidas ou sugestões nos comentários. Responderei todos assim que for possível ♥ XOXO