#Resenha: As Regras da Sedução (Madeline Hunter - Editora Arqueiro)


Lorde Hayden Rothwell chega à casa de Alexia Welbourne sem aviso e sem ser convidado – um homem poderoso e sedutor, movido por interesses obscuros. Sua visita anuncia a ruína financeira da família de Alexia e o fim das esperanças da jovem de um dia conseguir um bom casamento.
Para se sustentar, a moça recebe a proposta de ser dama de companhia de Lady Henrietta Wallingford e preceptora de sua filha. O problema é que a oferta vem do sobrinho de Henrietta, ninguém menos que lorde Hayden.
Morando na casa da tia de Rothwell, Alexia descobre que a proximidade com o homem que destruiu sua família pode ser perigosamente irresistível. Num gesto impensado, ela se entrega a ele, e ambos se veem obrigados a se casar.
O que Alexia não sabe é que os atos aparentemente arrogantes de seu belo e sensual marido são motivados por uma dívida de honra que pode levá-lo a sacrificar tudo.
Com tantas mágoas e segredos entre eles, o casal tem tudo para se manter afastado. Mas Hayden é um homem apaixonante e Alexia, a tentação que o faz perder a cabeça. Morando sob o mesmo teto, eles acabam se aproximando e, juntos, vão descobrir um jogo de sedução em que cada um faz as próprias regras.


Título: As Regras da Sedução - The Rules os Sedution / Série Rothwells #1
Autor: Madeline Hunter
Ano de Lançamento: 2015
Número de Páginas: 272
Acabamento: Brochura
Gênero: Romance / Romance de Época
Editora: Arqueiro
Adicionar no Skoob
Classificação:


Alexia Welbourne  vivia com seus primos Roselyn, Irene e Timothy Longworths. Depois que sua família ficou arruinada, Alexia foi obrigada a pedir abrigo aos primos, e, apesar de viver relativamente bem com eles, sempre foi tratada como uma parenta pobre, principalmente pelo seu primo Timothy. Alexia é uma moça gentil e bem-educada, e mesmo não tendo recursos e entendendo muito bem qual era sua posição, ela sempre manteve uma boa relação com seus parentes, principalmente com sua prima Roselyn. Ela era feliz daquela forma, até que um dia sua vida mudou completamente.

Lorde Hayden Rothwell chega até a residência dos Longworths com seu ar imponente que mostra que sua visita não é nada cordial. Ele traz consigo a pior notícia da qual nem ela nem ninguém poderiam imaginar: seu primo Timothy, proprietário de um banco, está falido. Os primos são obrigados a vender sua propriedade e tudo que possuem (tudo mesmo) e ir viver em um lugar menor e mais humilde, porém Timothy não tem condições de sustentar Alexia, e ela não tem outra opção senão se virar sozinha.
Não era um rosto belo, mas os olhos tornavam isso irrelevante. Sua cor incomum cativava primeiro, depois se notava como eles refletiam uma alma intensa e uma mente inteligente. Mostravam também experiência, como se aquela mulher compreendesse bem demais as realidades da vida. Ao se sentar sob a contemplação implacável daqueles olhos, ele se esquecera por alguns minutos da horrível missão que o trouxera àquela casa.

Para piorar a ainda mais a situação, Hayden agora é o legítimo proprietário da antiga residência dos Longoworths. Percebendo o problema de Alexia, ele oferece a ela um cargo como preceptora e dama de companhia de sua prima e tia, que são as novas proprietárias da casa. Desesperada e sem dinheiro, ela acaba aceitando a oferta de Lorde Rothwell, e é aí que as coisas começam a ficar um pouco mais complicadas.
O abraço dele teve o efeito de confortá-la, mas, ao mesmo tempo, de enfraquecê-la, pois foi como se dissesse “Não tente ser corajosa”.
Hayden, o suposto vilão da história, pode ter todos os defeitos do mundo: ser frio, arrogante e sem coração, porém é um homem muito charmoso, sedutor e vai despertar em Alexia sentimentos que ela achou que não poderia ter por nenhum outro homem além de um em especial de quem ela amou muito. Apesar da aversão que Alexia sente por ele – afinal de contas, desde o dia em que ele surgiu, sua vida se transformou em uma completa desgraça -, ela não consegue esconder a atração que sente por ele, e vice-versa. É impossível resistir, ainda mesmo vivendo de baixo do mesmo teto.
Não mereço seu amor, mas prometo valorizá-lo como o presente que ele é.
Alexia continua vivendo na mesma casa em que foi criada, porém agora vive na condição de empregada, e após um momento de insanidade e paixão com Hayden, eles se casam. Se antes seus primos já desaprovavam o fato dela trabalhar para ele, irão se mostrar ainda mais difíceis depois que ela se torna sua esposa. Todos odeiam o homem que arruinou suas vidas. Entre desespero, paixão e muitos segredos, eles começam a viver uma paixão arrebatadora, e aos poucos vão descobrindo e criando suas próprias regras de sedução.


Opinião:

As Regras da Sedução, primeiro livro da série Os Rothwells, de Madeline Hunter. Esse livro me chamou atenção pela sinopse e uma amiga já havia me indicado. Segundo ela eu iria amar, e foi o que aconteceu. Não me arrependi da escolha, o livro é ótimo. Madeline cria diálogos inteligentes, divertidos, românticos e sabe como transmitir as emoções dos personagens. Em um determinado momento, achei que o livro seguiria com uma linha igual a muitos outros, mas a autora conseguiu fazer a diferença em pequenos detalhes, fugindo de alguns clichês. 

Gosto de leituras rápidas, mas que sejam envolventes e que tenham uma trama. O que de fato torna um romance desse gênero especial é justamente o desenvolvimento da história, os diálogos e os personagens. Posso dizer que encontrei todas essas qualidades essências nesse volume.

Alexia e Hayden são completamente diferentes, possuem interesses e motivações distintas, mas a atração entre ambos é algo mútuo. Ela já sofreu muito na vida, e ele carrega uma culpa. Eles lutam de todas as formas para não caírem na tentação, e tantos segredos podem afastá-los, mas as coisas simplesmente fluem facilmente entre eles, e aos poucos eles começam a se revelar um para o outro. Já vou adiantando que é impossível não se apaixonar por Hayden. Apesar de ser um homem reservado, ele é honrado, gentil e apaixonado. Para ele, a honra e o dever estão acima de tudo.

Edição 2013 x Edição 2015

Eu achei esse livro diferente de muitos outros que já li. A Editora Arqueiro relançou o livro ano passado e essa edição está com uma capa belíssima. O tamanho da fonte está ótimo, proporciona uma leitura bastante agradável. Os outros títulos da série irão apresentar os demais irmãos Rothwells: Elliot e Cristian, que é o marques de Easterbrook e também o destino de Roselyn Longworths.


Todos os livros da série já estão disponíveis. Já estou ansiosa para conhecer por completo o universo dos Rohtwells. Espero que tenham gostado da resenha e dessa recomendação de leitura. Beijos!

Nota: Esse livro foi gentilmente enviado pela Editora Arqueiro.

Onde comprar?



Siga também no: Facebook  | Bloglovin  | Skoob Tumblr  | Pinterest

Comente com o Facebook:

20 comentários

  1. Parece ser bastante interessante, não conhecia.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada pela visita Virgínia :) Beijos!

      Excluir
  2. Não conhecia o livro, mas sinceramente não faz meu tipo de leitura.

    Blog Lua Soares

    ResponderExcluir
  3. Pri, aquele batom é babado, né?! Já o shampoo é mais ou menos! =/

    Acho que já tinha visto esse livro... Mas nunca me interessei de ler!

    Ótima terça!

    Beijo! ^^

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um ótimo livro Amanda, eu gostei muito. Beijos!

      Excluir
  4. bem bacana conhecer esse titulo, gostei bastante

    www.tofucolorido.com.br
    www.facebook.com/blogtofucolorido

    ResponderExcluir
  5. Curti muito a resenha e acho que vou comprar logo <3

    Beijos
    barbfurtado.blogspot.com

    ResponderExcluir
  6. Já estava achando a trama interessante e a minha curiosidade sobre esse livro já tinha despertado. Só que quando você disse que é impossível não se apaixonar por Hayden eu pensei: como assim? ele não é horrível? E foi nesse momento que eu falei para mim mesma que tenho que ler esse livro assim que der. (hahaha) ^^
    Beijinhos ♥

    Contadora de Histórias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu tenho uma queda por vilões e também por aqueles personagens que aparentemente são os vilões, kkk. É uma ótima leitura, gostei muito do estilo dessa escritora. Se ler, depois me fala o que achou =) Beijos!

      Excluir
  7. Não conhecia também, mas fiquei muito curiosa. Gosto desse tipo de romance e achei as capas lindas!
    boa semana :)

    Red Behavior

    ResponderExcluir
  8. Olá, tudo bem? Nossa, outra série de romance de época? Essa eu acho que não conhecia. Tenho que dar um jeito de ler logo algo desse gênero, estou bem atrasadinha!

    Beijos,
    Duas Livreiras

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amo romances de época, por isso sempre indico :) Obrigada pela visita. Beijos!

      Excluir
  9. não conhecia mas adorei a resenha!

    www.blogamorarosa.com

    ResponderExcluir

Muito obrigada pela visita! Deixe sua opinião, dúvidas e sugestões nos comentários. Não esqueça do seu link, responderei todos assim que for possível ♥ XOXO